Eduardo Paes quer retomar economia vibrante no Rio com geração de emprego e renda

O Rio de Janeiro enfrenta a pior onda de desemprego dos últimos tempos. Para melhorar o índice e impulsionar a geração de emprego e renda na cidade, Eduardo Paes definiu propostas que incluem desde capacitação profissional e implantação de programas para microempreendedores, comerciantes e jovens, a parcerias com empresas para atrair novos investimentos.

– Eu tenho confiança de que a nossa cidade pode voltar a ter uma economia vibrante. A Prefeitura e o Prefeito podem fazer muita coisa para gerar emprego e renda. O interesse público do Rio tem que estar acima de toda e qualquer divergência política – lembrou o candidato.

Segundo Paes, o desemprego na cidade nunca esteve tão alto e a pandemia só veio para agravar a crise econômica no Rio.

– Os comerciantes pequenos e microempreendedores foram abandonados a própria sorte. Ao longo dos últimos anos, perdemos centenas de empresas e milhares de emprego para São Paulo. Mesmo antes da pandemia, quase 300 mil chefes e chefas de família perderam suas fontes de renda. Nossos jovens não conseguem arrumar emprego por causa da falta de experiência profissional e os mais velhos passaram a ser ignorados pela mercado de trabalho – ressaltou.

Na tentativa de proporcionar mais oportunidades a esse público, Eduardo Paes vai investir na formação e capacitação de 100 mil profissionais, incluindo jovens e idosos, por meio de programas promovidos pela prefeitura, e implantar um novo programa municipal nos moldes do Jovem Aprendiz para garantir que os jovens adquiram experiência profissional antes do ingresso no mercado de trabalho. O candidato também vai promover a reabertura de micro e pequenas empresas por meio de um fundo garantidor de crédito da Prefeitura e da redução de alguns impostos municipais.

Paes ainda pretende modernizar o programa Rio Mais Fácil para simplificar trâmites como a emissão digital das solicitações, e resgatar os Guardiões dos Rios, Gari Comunitário e Agente Comunitário de Saúde, programas focados no empreendedorismo, na recuperação da infraestrutura local, na preservação do meio ambiente e na oferta de serviços sociais, que podem contribuir na criação de frentes de trabalho para a população que vive em comunidades.

Em parceria com o Governo Federal e a iniciativa privada, o candidato a Prefeito do Rio pensa em revitalizar 300 mil m² de áreas degradadas da Avenida Brasil, com a conclusão do BRT e incentivo para a abertura de novas empresas e construção de novas moradias no entorno.

Veja aqui o que Eduardo Paes tem a dizer sobre Emprego e Renda no Rio.

Saiba mais sobre as propostas do candidato para impulsionar a geração de Emprego e Renda no Rio, clicando aqui.